segunda-feira, 20 de junho de 2011

POEMA DE CASTRO ALVES



Oláa pessoas,
Hoje iniciamos nossas postagens diárias, estamos trabalhando para que o BLOG tenha informações atualizadas sobre os mais variados assuntos.

. CASTRO ALVES um pouco de sua História
Antônio Frederico de Castro Alves nasceu no dia 14 de março de 1847, na cidade de Curralinho, Estado da BAHIA. Poeta Brasileiro, baiano, romancista. Desde pequeno declamava poemas, participava de saraus, já tinha gosto pela literatura, música, etc. Suas obras tinham como base o combate à escravidão, tanto que ficou conhecido como o "POETA DOS ESCRAVOS". Morreu no dia 06 de Julho de 1871, em Salvador. Atualmente existe uma Estátua, uma Praça, um Teatro e a cidade que nasceu (Homenagem) que levam seu nome, no Estado da BAHIA. Hoje o Teatro Castro Alves é um dos principais "PONTOS TURÍSTICOS" de Salvador.

Hoje vamos falar um pouco sobre um POEMA que me chamou muito atenção, quando estava no 2ºAno do Ensino Médio, minha Professora de Literatura e Artes apresentou em sala de aula o POEMA de Castro Alves "O Navio Negreiro". Aquele POEMA deu "ASAS" a minha imaginação e cheguei até a escrever um roteiro de um MUSICAL junto com ela, no final da aula passei tudo o que havia pensado sobre tudo o que havia escutado durante aquela aula. A professora muito gentil aceitou minha ideia e embarcamos juntas. Infelizmente por causa da Agenda do Colégio, já estávamos no final do bimestre, não podemos colocar em prática nosso projeto. Lembrei desse episódio pois hoje dia 20/06 é aniversário dessa professora, Profª Kalina Paiva, com quem aprendi muita coisa sobre arte, literatura e me fez "voar" com minha criatividade.
Foi algo que nunca esqueci e resolvi compartilhar no BLOG, até por que o POEMA é lindíssimo, mostra a Realidade dos Escravos na época da Colonização, é um poema triste também, pois relata os maus tratos, o sofrimento dos escravos. Um povo tão Guerreiro, de uma resistência imprescindível. No entanto só ganharam sua liberdade depois de anos e anos de sofrimento. Oficialmente, apenas no dia 13 de maio de 1888 com o decreto da LEI ÁUREA, assinado pela Princesa Isabel, foi quando aconteceu a ABOLIÇÃO DA ESCRAVATURA.

Logo acima temos um trecho do POEMA "O Navio Negreiro" . E mais à baixo temos um trecho do filme"Amistad" por Steven Spielberg. O poema é narrado por Paulo Autran.

CLIQUE no link e assista ao Trecho de Amistad:



Fontes: Vídeo retirado do Site YouTube.com;
Imagem de Castro Alves retirada do Site Google.com - Google Imagens;
Pesquisa sobre a vida de Castro Alves - baseada em algumas informações do
Site Wikipédia.org;
Trecho do Poema retirado do Site Google.com - Google imagens;


Postagem: Layanna Pinheiro ;D


2 comentários:

  1. Um poema primoroso que, se não me engano, retrata os Africanos que foram tirados das sua terras, afastados de suas famílias e levados em navios negreiros. O poema é uma obra prima da literatura. Castro Alves, um autor fantástico.
    Nana, parabéns! Nem lembrava mais do poema, mas me fez relembrar meus tempos de colégio e recomendo a leitura.

    ResponderExcluir
  2. GOSTARIA DO POEMA O NAVIO NEGREIRO POIS GOSTEI MUITO DELE

    ResponderExcluir